Por Eduarda Carreira             Uma questão difícil e bastante frequente no dia a dia de pais de crianças e adolescentes com autismo envolve a tomada de decisão sobre como e quando os expor a contextos sociais específicos. Perguntas como “É uma festa apenas para as crianças. Devo deixa-lo ir?”, “Os primos vão para uma colônia de férias. Isso não seria muito difícil para ele?” ou …
Por Natália Araújo         Muitos pais relatam que seus filhos com TEA apresentam dificuldades para dormir bem durante a noite. Essas irregularidades do sono podem estar relacionadas a dificuldade em adormecer, agitação ou má qualidade do sono, despertar frequente (às vezes querendo passear ou brincar) e acordar cedo.       Um estudo com amostra brasileira identificou que cerca de 44% dos …
     Já sabemos da importância do desenvolvimento da comunicação não verbal das crianças com autismo (clique aqui). Mas como podemos ensiná-las a usar gestos e expressões faciais se, muitas vezes elas não estão atentas e não compreendem esses comportamentos nos outros? Assim, antes da criança realizar gestos e expressões, ela deve ser capaz de compreender o que os gestos dos outros significam.     …
      No ano passado começamos a falar sobre as dificuldades do diagnóstico de TEA para a família (Clique aqui). Agora, vamos pensar em como isso acontece durante a adolescência?       Passada a fase da infância e da convivência com o diagnóstico, é de se esperar que os familiares já estejam acostumados com as peculiaridades relacionadas ao transtorno. Porém, principalmente quando não foi realizada …
       A imitação é uma habilidade que observamos cedo em crianças com desenvolvimento típico e que tem um papel crucial no desenvolvimento cognitivo e da comunicação social. A imitação apresenta tanto uma função de aprendizagem de novas habilidades no uso de objetos, como por exemplo, manipular um carrinho, quanto uma função social, que indica engajamento e interesse social e emocional (e.g., imitação de …
  Um dos métodos de ensino utilizados pela Análise do Comportamento para crianças com TEA é o Ensino por Tentativas Discretas (DTT, em inglês). Muitas vezes, a abordagem ABA é criticada pelo fato de as pessoas acreditarem que o ensino de habilidades ocorre somente na mesa e com uma recompensa comestível, ou que as crianças serão “robotizadas” por precisarem sempre de uma recompensa pelo seu …
Um dia desses estava eu fazendo a minha atividade física e pensando, para variar, sobre os pacientes com autismo que acompanho e, de repente, tive um pensamento curioso… Me veio à cabeça uma analogia entre os modelos de tratamento para o autismo que são divulgados e as modalidades de atividades oferecidas em uma academia! Uma analogia boba, mas que fez muito sentido para mim! As intervenções muito estruturadas, mais repetitivas e …
Viviane Janoni Cuidar e educar crianças não é uma tarefa fácil, não é mesmo? Os pequenos não vêm com manual de instrução, e muitas vezes os pais só “aprendem” a ser cuidadores quando o bebê já está ali, nascido e prontinho (ou não) para explorar o mundo. Inúmeras são as qualidades que caracterizam a maioria dos pais, e mais ainda os pais de crianças com …
  Já sabemos que os comprometimentos do TEA trazem impacto não só para as crianças e adolescentes diagnosticados, mas também para seu grupo familiar e as demais pessoas que com elas convivem. Neste texto trataremos das dificuldades observadas pelos familiares de pessoas com TEA na infância. A infância de uma criança com TEA geralmente é o momento da descoberta do transtorno. Os familiares podem perceber …
Voltar